segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Blog, A Melhor Coisa Que Criaram Nos Últimos Anos.


Estava conversando dia desses com uma amiga sobre essa maravilha chamado Blog e chegamos a conclusão de que foi a melhor coisa que criaram nos últimos anos. O papo começou quando comentei que era um prazer muito grande prá mim comunicar-me com pessoas que tenho carinho e admiração através dos meus blogs, gente que nunca vi em minha vida, mas é como se estivesse entre eles há muito tempo.
Citei como seria o relacionamento da poeta Ana Cristina César com seus leitores/admiradores e ficamos imaginando as dificuldades de comunicação. Aqui, graças, não temos estas dificuldades.
A comunicação é de imediato com retorno, idem. Fico contente com o retorno que tenho recebido com meus blogs, e confesso: fico apreensivo e um pouco tenso quando os comentários demoram a chegar, principalmente por parte dos blogueiros e leitores que batem ponto aqui e no La Verga Del Buenas.Tenho trocado umas ideias com algumas dessas pessoas pelo msn e posso notar claramente que estou bem acompanhado. As amizades tem surgido de forma inusitada.
Costumo passar dias imaginando a vida que cada um de vocês levam. É sério.
Tipo: "Ela (ou ele) é feliz? Será que vive bem? Como estão seus relacionamentos? Será que gostam do que fazem? E de mim, será que eles curtem mesmo o que escrevo e o que indico?"
É estranho e ao mesmo tempo bacana. Ontem estava com meu amigo Luciano Fraga num churrasco na casa dele e conversamos muito sobre esta relação com vocês.
A Blogosfera toma muito do nosso tempo e chegamos a conclusão de que essa relação é essencial. De como as pessoas se revelam e chegam até nós, cada um do seu jeito.
Tenho uma amiga que tem um blog que seu círculo social não sabe. Amigas, namorado e principalmente a família não pode saber da existência do seu blog por serem conservadores demais.
Ficamos batendo papo no msn por longas horas e a sensação que dar é a de quê nos conhecemos há muito tempo devido a nossa cumplicidade. Ela confia em mim, então fala-me coisas que jamais escreveria em seu blog com seu nome de verdade.
São bagaceiras - como ela mesma diz - e não ficaria bem prá ela conviver com isto sabendo que as pessoas que vivem ao seu redor saberiam. Principalmente coisas do passado.As mulheres se soltam mais, se liberam mais nos bate papos.
Não tenho problemas em falar de mim mesmo. Aliás, vocês já devem ter percebido. Acho que essas trocas de informações sinceras fazem com que elas confiem mais e por isso se jogam mais. Tenho visto cada coisa...
Blogs são fios condutores que nos levam para bem longe, na certeza de encontrarmos abrigo em algum cantinho para ficarmos.
Assim como a poesia, não é D. Luchiano?
Por aqui cheguei há pouco tempo e tem valido essas trocas de ideias e carinhos constantes. Quero que todos saibam que adoro meus blogs e eles representam muito do que sou. Sem disfarces.
Este post saiu diferente do que é de costume - quando escrevo sobre música e literatura -, é que estava precisando dizer essas coisas. Até a próxima.
Postar um comentário