terça-feira, 14 de abril de 2009

Vladimir Maiakóvski, O Poeta Operário (07/07/1894 - 14/04/1930).


Brilhar Pra Sempre
Brilhar Como Um Farol
Brilhar Com Brilho Eterno
Gente É Pra Brilhar
Que Tudo O Mais Vá Pro Inferno
Este É O Meu Slogan
E O Do Sol.
------------------------------
O Poeta é o eterno devedor do universo
e paga em dor porcentagens de pena.
------------------------------
Prefiro morrer de vodka do que de tédio.
------------------------------
Sou poeta. É justamente por isso que sou interessante. E sobre isto
escrevo. Sobre o restante: apenas se foi defendido com a palavra.
------------------------------
Adeus, amigo, sem mãos nem palavras.
Não faças um sobrolho pensativo.
Se morrer, nesta vida, não é novo,
Tampouco há novidade em estar vivo.
Postar um comentário