terça-feira, 14 de junho de 2011

Cadê Debbie?

"Cadê você, Debbie? Te procurei, ao alvorecer, no nosso cantinho, mas você não estava mais. Union city blue marcou nosso primeiro encontro. Escutando um dos seus discos agora, planejo meu primeiro video. Você saiu deixando um bilhetinho... seu cheiro impregnou o ar. Te procurei por todos os cantos, Debbie! Quero te mostrar um poeminha que acabei de escrever: junho é vazio e feio. Poeminha que me diz muito com sua ausência. Escrevo este e-mail pra ti, my love, pra suavizar minha manhã, meus dias...".
Caro leitor, este pequeno texto que você leu, é o começo do e-mail do personagem que estou criando para o meu primeiro video, que vai se chamar Cadê Debbie?
Comecei a criar este video no último fim de semana. A ideia é mostrar a falta que faz a presença da pessoa amada.
Debbie Harry, cantora do Blondie - uma das minha musas - é a principal inspiração do projeto.
Com duração de mais ou menos cinco minutos, o personagem escreve um e-mail recordando a última noite em que passaram juntos. Momentos do que restou da última noite do casal serão mostrados - isto é, se o diretor topar.
O making of foi feito direto da Webcam do meu Notebook aqui na casa de minha mãe em Paranaguá (PR).
Seu quarto foi cenário deste making of. Espero que fique bacana. Estou torcendo para que dê tudo certo. Farei com carinho, assim como são feitos os posts aqui e na La Verga. Mantenha-se vivo.
Visite a La Verga, meu blog de poemas eróticos: www.lavergadelbuenas.blogspot.com.
Até a próxima.
Postar um comentário