domingo, 2 de dezembro de 2012

Dez cantores que vão embarcar no foguete do Buenas com passagem só de ida.

(Dorival Caymmi, feliz da vida).

Acordei com uma ressaca quase poderosa. Felizmente, lembrei-me que tenho uma lista pra postar com os dez cantores que eu não suporto, e isso me anima pra caramba.  

Dez cantores que vão embarcar no foguete do Buenas com passagem só de ida.

10) Carlos Lyra, o bostético Esse pensa que tem alguma importância para a música popular brasileira. Um rascunho mal feito de Lúcio Alves, o maior cantor daquela merda de música burguesa da zona sul carioca. Carlinhos, você é convidado especial e não precisa pagar a passagem.

9) Compadre Washington - Quando esse cidadão surgiu cantando em cima de um trio com uma dançarina com carinha de safada e aquela bunda empinada, eu pensei na época: "Lascou! Essa peste vai pegar". E pegou mesmo. Se alguém tivesse dito pra ele, assim: "Compadre, tu fica melhor animando festa de criança, pô". Pois é, ninguém disse isso a ele e o resto dessa história você deve saber.

8) Jorge Vercilo - O cover do Djavan foi o convidado pra servir os ilustres passageiros a bordo do meu foguete. Vai com Deus, man.

7) Chitãozinho e Xororó - Na dúvida de quem canta pior, mando os dois. Ah, Xororó, vai no colo do Chitãozinho.

6) Reginaldo Rossi - Esse queria ser o Roberto Carlos do nordeste. Figura, viu? Mas vai assim mesmo.

5) Bel Marques - Quando eu trabalhava em uma loja de discos em Salvador, tinha sempre o desprazer de passar o dvd do "Chicrete" pros gringos malas assistirem antes de comprar e jamais esqueci do começo desse dvd. Bel cantando em cima do trio em companhia de Carlinhos Brown: "É no jéjé, é no jéjé... (assim mesmo, aberto), é no jéjé, é no jéjé...". Meus olhos lacrimejam nesse instante. Que emocionante. E não esqueça: "É no jéjé, é no jéjé...". Aff...

4) Chico César - Vou poupar a tartaruguinha. Deixa quieto.

3) Mano Brown - Racista, considerado gênio pela mídia bunda-mole desse país, ele pensa que só os negros sofreram/sofrem. Ô, meu caro, os branquinhos também sentem dor. Otário, o terceiro lugar é seu.

2) Dorival Caymmi, o preguiçoso - O cara que criou a mística de que baiano é preguiçoso. Dizia amar a Bahia "que é linda" e passou grande parte da vida no Rio de Janeiro. Baiano adora a cidade maravilhosa, tanto que até o governador é carioca.

1) Vander Lee, o imbatível - A coisinha mais nefasta e irritante que ouvi em toda minha vida. Esse vai no bico do foguete, porque se houver algum atrito com um meteoro, será o primeiro a sobrar.

Em breve, a lista com as cantoras. Sim, "a diva, a maior cantora que esse país viu nascer", está nela. Aguarde.
Postar um comentário