sexta-feira, 8 de março de 2013

Los Alamos pra fechar a madrugada.


Daí que eu tava teclando com meu amigo João Corumba no Facebook e ele me apresentou um cantor de rock argentino, o Luis Alberto Spinetta. Em retribuição, mandei um link pra ele ouvir o Los Alamos, outra banda da terra de Maradona, e lembrei-me do tempo em que fui apresentado a eles. Foi em 2005 (só não lembro quem foi que me apresentou). Eu ouvia direto. O som dos hermanos tem forte influência da fase country de Neil Young, leia-se Comes a Time, com uma atmosfera a la Tindersticks e Walkabouts, a banda da Carla Torgerson. E a garrafa do vinho está apenas na metade, sem contar que ainda tem umas cervas na geladeira para um caso de emergência. Pois é, tudo indica que verei o nascer do sol mais uma vez. Que coisa!

O primeiro disco dessa grande banda, chama-se: No se menciona la soga en casa del ahorcado (2005). Não deixe de ouvi-los. Acesse: www.losalamos.bandcamp.com/album/no-se-menciona-la-soga-en-casa-del-ahorcado

Até a próxima.
Postar um comentário